HOME / CURSO

 

PRÓLOGO

Este curso é destinado para pessoas que de alguma forma se degeneraram sexualmente e por algum motivo, sentem em seu intimo uma necessidade de mudança. O que lanço aqui são apenas algumas centelhas de um fogo eterno de Conhecimento que já foram muitas vezes revelados para a humanidade, mas essa ultima sempre prefere o mal, vira as costas para o guru interno, ri do que desconhece, prefere o sabor vida. A humanidade atual aborrece ao Cristo Cósmico.

Nas aulas aqui expostas terão muitas falas minhas, algumas falas de alguns Veneráveis Mestres, mas em todos os casos serão dirigidos para leigos.

A mente é uma prisão, é necessário estar aberto ao novo. O ensinamento que será aqui passado possui raízes antiguíssimas, e de tão antigo nos parece novo.

O objetivo principal deste curso é que se você não conseguir se regenerar sexualmente então pelo menos será capaz de compreender o real motivo de sua vida, seus karmas, seus limites, seus erros e se preparar para uma nova chance numa nova existência. O curso todo será apenas o ponta-pé inicial para que tenhas ferramentas para preparar sua própria arca, encontrar seu guru interno e salvar a sua essência.

Aconselho a seguir numericamente as aulas, pois muitas práticas e teorias serão quase sempre somadas com outras, portanto será mais fácil a sua assimilação.

QUE O CRISTO SOLAR ILUMINE A TODOS NÓS.


O KARMA

Acredite, estávamos vivos antes de nascermos e estaremos vivos depois de morrermos, a vida está acima dos conceitos da mente, do sentimento, da vontade, da consciência e do espírito. O V.M.S uma vez relatou: “a vida resulta de um problema que ninguém entende”, por mais títulos ou dinheiro que alguém possua, jamais poderá compreender a vida, antes mesmo da criação existir a vida já pulsava, antes mesmos de nossos pais nascerem já éramos velhos, se pudéssemos contar os dias que estamos vivos faltariam números.

É necessário distinguir entre estar vivo na criação e estar vivo no criador. A criação é o universo tridimensional que achamos que conhecemos, aqui podemos nos localizar como um ponto matemático no planeta Terra. Mas fechemos os olhos por alguns instantes e onde estamos? As barreiras desaparecem, imagine agora um mundo onde não exista paredes, onde tudo pertence a todos, onde qualquer perturbação no ambiente é sentido por todos os seres vivos. Acredite, esse lugar existe, é o seio do Criador. De lá saímos, para lá voltaremos, conscientes ou adormecidos. 

Quando saímos do seio do Criador estávamos adormecidos, aliás foi para isso que viemos à criação, para DESPERTAR, então foi criado pelos agentes cosmocratores um mundo de regras, de leis mecânicas, de seres perfeitos mas que careciam de conhecimento entre o certo e o errado, entre o bem e o mal. Na primeira vez que entramos na criação éramos como pequenos bebês que necessitavam crescer e aprender. 

A vida é um eterno aprendizado e nós péssimos alunos. A mãe natureza criou muitos brinquedos, pois como crianças choronas onde a mãe dá  a ela brinquedos para entreter, assim somos nós, temos no nosso dia-a-dia inúmeros acontecimentos que nos entretém e esquecemos de viver, esquecemos de nós mesmos.

Assim éramos nos nossos primeiros dias, independente do lugar do universo onde nos encontrássemos, lá estaria nós: ADORMECIDOS. 

Durante os primeiros anos nos identificamos com os acontecimentos da vida e fomos criando dentro da nossa psique aquilo que chamamos de EGO, que nada mais é do que uma pequena personalidade mecânica que aprisionou parte de nossa essência, e aos poucos fomos criando através de repetitivos erros mais e mais EGOS (ou eus, demônios vermelhos de Seth ou o nome que você quiser dar) e fomos aprisionando mais e mais essência, que a humanidade hoje chama erroneamente de alma. 

O que ocorre é que não temos apenas uma existência, mas muitas, e em cada uma delas lá estávamos nós criando mais EGOS (Luxuria, Ira, Cobiça, Inveja, Preguiça,  Orgulho, Vaidade... e assim por diante), em função disto nossas virtudes como o altruísmo, a clarividência, a abstinência, a intuição, e muitas outras virtudes inerentes ao ser humano foram perdidas, essas hoje são tratadas como dons, como se isso fosse um prêmio, quando na realidade todas as faculdades ou virtudes nos pertence como herança, o que temos é que resgata-las, só isso. 

Hoje, no séc 21, depois de muitas existências, pois retornamos a esse mundo centenas de vezes, estamos em média com 97% de nossa essência aprisionada nos EGOS, e mais ou menos 3% são de essência livre, porem adormecida. 

O mais grave de tudo isso, é que os retornos e reencarnações sempre fizeram parte da doutrina de muitas religiões, entretanto, devido a muitos interesses que não cabe aqui esclarecer esse tipo de atitude dos reitores dessas instituições, esse ensinamento foi banido de muitas religiões e devido a isso as pessoas, especialmente as ocidentais acreditam que o sofrimento, a dor, a pobreza, a doença  e tantas outras melancolias são de vontade divina, como se fosse da Vontade de Deus que uma criança nasça deformada no meio de uma favela.

Deus (ou a Lei Divina) seria um verdadeiro tirano se fizesse sofrer um de seus filhos, e desse a outro o dinheiro, a saúde o bem estar e boas condições de vida. O mais interessante é que devido ao fato de inúmeros retornos, a humanidade ao invés de evoluir psicologicamente, faz o contrário, se degenera de uma forma absurda, guerras e disputas gananciosas tornaram a vida humana insuportável, então para silenciar a voz intuitiva que grita em nosso interior dizendo que há alguma coisa errada, a humanidade cria todo o tipo de entretenimento possível a fim de adormecer mais e mais a Consciência, para que poucos mandem num mundo de todos.

Mas se você acha que isso é o pior, Ah meu amigo isso é só o começo, a cada novo retorno é nos acrescidos as conseqüências de nossas ações na existência passada. É a Lei Da CAUSA E EFEITO: KARMA E DHARMA, essas são palavras sânscritas que em ultima analise significam “o resultado negativo e positivo de seus atos”

Aquela frase: ‘...é algo que ninguém pode passar por mim” define tudo, isso ocorre porque na Criação todos os universos (físicos e espirituais) tem as suas respectivas leis dependendo do tipo de plano em que a pessoa vive, falando especificamente de nós seres humanos adormecidos, somos regidos por 48 leis, a lei do Karma (uma espécie de saldo negativo) e Dharma (uma espécie de saldo positivo) é uma dessas leis que regem a nossa vida. 

Existem vários tipos de Karma: 

O individual: refere-se a nossos atos isolados, possuímos em nosso corpo determinados centros energéticos (5 inferiores principais e 2 superiores que se encontram atrofiados) como por exemplo o motor (localizado na nuca) o intelectual e o instintivo sexual, quando abusamos de algum desses centros temos a sua conseqüência (karma) relacionado a esse abuso, especialmente o sexual que falaremos mais adiante. Também nesse tipo de karma individual estão aquelas ações que praticamos contra outras pessoas, comunidades, natureza.... e uma infinidade de erros cometidos pelos nossos EGOS. 

O familiar: o próprio nome já diz tudo relaciona-se com a família em que nascemos, normalmente nascemos sempre na mesma família (devido a Lei da Recorrência) e ali pagamos nossos erros com nossos antigos pais, irmãos, esposas... tudo de mal que fizemos aos nossos familiares os pagamos invertendo em algumas vezes os papeis, assim o pai que em alguma vida (existência) espancou o filho, nessa vida pode se tornar o filho, e o filho agora ser o pai, então aquele EGO que de rancor que foi criado no retorno anterior tem agora a possibilidade de se manifestar e acertar as contas com o seu antigo pai. NOTE que as coisas vão entrando num ciclo, na realidade num circulo vicioso, onde se vive sem saber o porquê e a toda manifestação da essência que busca algum motivo maior para a vida, a própria vida egóica logo trata de abafar essa voz...(uma novelinha, um joguinho de futebol, um cineminha, uma cerveja,...)

O local: trata-se de um karma regional, nascer num país como os africanos, paises sub-desenvolvidos... terremotos, regiões propensas a catástrofes naturais....

O global: trata-se da humanidade toda, por esse planeta já passaram 4 raças, a nossa é a quinta e chama-se ariana, é um processo normal da vida, a renovação, ao fim de uma era, a humanidade é substituída por outra, e a forma de  como será o fim desta é definida somando o que a humanidade fez consigo mesma e com o planeta, não é necessário ser nenhum gênio para imaginar como será o fim da raça ariana... Por cada planeta são desenvolvidos 7 raças ou humanidades, o declínio das humanidades no planeta Terra iniciou-se na antiga Lemúria (na bíblia, no antigo testamento se refere ao Éden, embora já se havia saído do Éden numa raça anterior a Lemúria, uma vez que o Éden pertence a quarta dimensão, os lemurianos já viviam na terceira dimensão), a queda e a perda da consciência e o verdadeiro nascimento do EGO se deu sexualmente, como veremos mais para frente no curso. Mais informações sobre as raças veja no livro ANTROPOLOGIA GNÓSTICA de Samal Aun Weor, ou nos registros acássicos da natureza que será explicado futuramente. 

Katancia: refere-se ao karma dos Mestres, deuses, anjos..., todo o erro é castigado seja o mesmo feito de maneira consciente ou inconsciente, pela essência ou pelos EGOS, só que no caso dos mestres o castigo é bem maior por se estar plenamente consciente de si mesmo e da vida. Normalmente é a parte humana do mestre quem comete o erro, essa parte é chamado de BODHISSATWA, dependendo do erro, sexual normalmente, o  BODHISSATWA caí, ou seja, perde a consciência, os poderes, as virtudes e são comumente chamados de BODHISSATWAS CAÍDOS, quando esse BODHISSATWA se rebela contra a divindade e procura se satisfazer no mal, esse vem a se tornar um Anjo Caído que odeia mortalmente todo iniciado, um ser perigosíssimo e devido a esse fato será entregue nesse curso técnicas de defesas contra essas entidades. 

Esses são alguns exemplos de tipos de karmas, os dhamas são parecidos mas com a diferença de ser Positivo como se fosse recompensa por uma boa ação, como ter  dinheiro, um bom emprego, uma boa família, um bom país... uma boa saúde. O melhor dharma é o espiritual pois ele nos assegura a chance de ter acesso ao Conhecimento e despertarmos a consciência para só assim sermos donos de nossa própria vida. 

O mais interessante em relação ao karma é que ele pode ser passado de uma pessoa para outra através de relações sexuais e transfusão de sangue, implante de órgãos...Por esse motivo os doadores de sangue são disseminadores de seus próprios karmas, ocorre uma espécie de cruzamento  e o receptor do órgão ou do sangue, nos mundos internos (mundo astral) realiza um pacto inconscientemente com essas pessoas, é por isso que se pega determinadas doenças através de transfusão de sangue, já para o doador o mesmo nos mundos internos realiza pactos com as diversas pessoas que recebeu seus órgãos ou seu sangue, daí o porque a vida das pessoas vai se tornando tão complicada... e vai perdendo a proteção divina (o anjo da guarda por exemplo) e em alguns casos acaba se contaminando com alguma seringa durante a doação. O que fazer então se você é doador? Não se fanatize, se num caso de emergência houver necessidade de doar, doe, melhor se doar apenas para um parente, pois já existe uma relação karmica com os membros da família, no entanto tudo tem a sua conseqüência e mais tarde é importante procurar o TRIBUNAL DA JUSTIÇA KARMICA que se encontra na quinta dimensão e romper com esses cruzamentos ou pactos. 

Depois que você leu essas linhas já deve ter notado que muitas coisas de sua vida são karmicas e muitos outros karmas ainda teremos se não mudarmos a nossa forma de viver, especialmente do quesito sexual. 

TENHO KARMA  O QUE FAZER?

O VM S diz que o Karma é uma medicina que nos aplica para o nosso próprio bem, desafortunadamente ao invés de nos reverenciarmos diante do karma, blasfemamos, nos rebelamos, reclamamos e tudo isso não faz mais do que aumentar a nossa dor, é como uma dor de dente, fique reclamando e o dente dói mais, existe formulas para negociar o karma que serão dadas mais para frente, por hora é bom que você analise sua própria vida. Onde estou errando? O que fiz para ter esse karma? Por que não lembro desses erros?

Bem tudo isso será respondido com o tempo, mas a última já posso responder: 

Não lembramos de nossas vidas passadas porque atrofiamos nossa memória, aqui será dado alguns mantram para desatrofiar a memória e algumas outras técnicas que serão entregues no decorrer do curso.


TÉCNICAS PARA LEMBRAR DAS VIDAS PASSADAS

Uso de mantram (o que é um mantra? Veja na nossa home no link mantra):

ANRA: aaaaaaaaaaaaaaaaaannnnnnnnRRRRRRRRRRRRRRRRRAAAAAAAAAAAA

(entoa-se prolongando cada letra, o R soa como um motorzinho com um som agudo, prolongando o máximo possível essa letra, encha-se o pulmão de ar e se canta esse mantra durante pelo menos uma hora diária)

 A: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA....(apenas se prolonga essa vogal, praticar durante pelo menos uma hora diária). 

RAON-GAON: RRRRRRRRRRRAAAAAAAAAAAOOOOOOOOOOOOOOOONNNN....

                       GAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAOOOOOOOOOOOOOONNNN.

(poderosíssimo mantra para despertar nossa memória latente, deve-se entoá-lo quando acordar, nos ajuda a lembrar nossas experiências astrais, sonhos, experiências oníricas... enfim tenacidade, paciência e disciplina é tudo que se precisa para desenvolver a  memória latente)

Alimento para a memória:

Faça seu desjejum tomando sucos de frutas cítricas e comendo amêndoas amargas com mel.

Tome chá de hortelã pimenta e preferencialmente cultive-o em seu quintal se assim puder, faça amizade com o elemental desta planta, pois ele é guardião dos registros acassicos da natureza, seu mantra é o exposto anteriormente (RAON-GAON).

Técnica da Restrospectiva:

Antes de dormir faça uma retrospectiva de tudo o que você fez hoje, começando do fim para o inicio do dia, continue lembrando do que aconteceu ontem, antes de ontem, até chegar a suas memórias da infância. O exercício quando feito com freqüência desenvolve a memória de tal forma que logo estarás lembrando do momento de seu nascimento e logo de sua morte, abrirá diante de si uma nova perspectiva da vida. A técnica da retrospectiva também pode ser feita ao acordar, não se deve se mexer e tentar lembrar do ultimo sonho ao inicio dos mesmos, isso fará milagres por sua memória. 

A dama das recordações:

Nosso ser possui muitas partes conscientes dentro de nós mesmos, uma parte dele muito interessante recebe o nome de DAMA ou DONZELA DAS RECORDAÇÕES, devemos orar para esta parte intima para que ela Desperte e Desenvolva nossa memória. Tudo aquilo que pedirmos com fé será atendido, mas lembre-se: A DEUS ROGANDO E O MALHO DANDO. 

Lembrar e conhecer são  coisas diferentes, para conhecer suas vidas (ou existências) passadas e compreender seus karmas é importante visitar os Registros Acássicos da Natureza, o qual será tratado posteriormente.


Jamais devemos ser do tipo de quem mata o tigre e fica com medo da pele. Sejamos nós sempre líderes nunca seguidores.

CURSO
ALERTA
MANTRA
BIBLIOTECA
LOGOS SOLAR
PERGUNTAS E RESPOSTAS
LIVROS
CONTATO
Google
www.ocaminhodonirvana.net www.contosatlantes.com